Alimentação é um tema que gera muitas dúvidas, os pais sempre me perguntam como podemos fazer para ter uma boa alimentação na correria do dia-a-dia? Da muito trabalho? como fazer isso com três pequenos?Tirando pela nossa rotina com as crianças confesso que é bem corrido também, mas acho que o segredo é o planejamento. organizar as refeições da semana, lanches da escola e etc, ajuda muito, facilita. A sensação que temos de bem-estar é incrível, pois sabemos que o Chico e as irmãs Maria clara e Maria Antônia estão se alimentando da melhor maneira possível! De vez em quando eles pedem besteira sim, principalmente o Chico com o amado picolé de chocolate, e eu libero as vezes como uma forma de reconhecimento por ele estar comendo muito bem.

Os hábitos alimentares que as pessoas tem hoje em dia vem muito por influência da nossa infância, sejam eles positivos ou negativos. É mais comum, pelo menos por parte dos brasileiros estarem habituados a comerem mal, e isso vem desde a infância com alimentos com baixo nutrientes, conhecido como as famosas “besteiras”. Bolachas recheadas, refrigerantes, chocolates ao leite, achocolatados prontos e mais mil outras coisas que existem hoje para trazer mais praticidade para os pais na rotina corrida, dizem as marcas para vender os seus produtos deliciosos e rápidos.

Se você se encontra hoje nessa posição, tudo bem. A mudança começa aos poucos, e da muito bem para fazer uma lancheira muito completa para as crianças, sem perder tempo e oferecendo alimentos que realmente vão agregar na alimentação dos pequenos, sem perder o sabor.

E com uma mudança de cada vez, procure incluir a família toda na brincadeira, experimente receitas diferentes, coloque todos na cozinha e inclua eles na preparação dos alimentos, além de ser divertido vão sentir curiosidade para esse novo universo. Uma dica muito importante é, sempre de preferências para frutas e legumes, verduras orgânicos.

No começo é muito comum identificarmos crianças que fazem cara feia quando oferecemos frutas, legumes, verduras a elas. Hoje vamos falar mais sobre as frutas, como é consenso, são indispensáveis na alimentação, independentemente da faixa etária. Com o Chico sempre procuramos introduzir uma boa alimentação desde muito pequeno, o mesmo fizemos com as irmãs Maria Clara e Maria Antônia, com a ajuda da nutricionista.

Ricas em vitaminas, minerais, água, fibra e com sabor geralmente adocicado, as frutas trazem saúde, protegem contra as doenças, previnem a obesidade infantil e garantem o desenvolvimento saudável, tanto dos pequenos, quanto dos adultos.
O limão e a laranja, que são exemplos de frutas cítricas, são ricas em vitamina C, pectina (uma fibra solúvel) e bioflavonóides, dentre eles os limonóides. A vitamina C tem um papel importante na absorção do ferro, prevenindo a anemia. Outras frutas, como maçã com casca (rica em fibras e flavonóides), banana (rica em potássio), mamão (rico em vitamina C e betacaroteno), devem sempre estar presentes no cardápio das crianças.

Hoje vamos ensinar uma receita super legal com o Abacate, uma fruta super versátil, podendo ser usada também para saladas, pastas para torradas. É a fruta que possui maior quantidade de proteína, rico em vitaminas C e E, ácido fólico e potássio, além de ferro, magnésio, vitamina B6. O abacate é considerado um excelente antioxidante, possui alta taxa de gordura, tornando-o muito rico em calorias, porém a maior parte da gordura é monoinsaturada, isso é gordura saudável.

Hoje vamos ensinar a “Pastinha de Abacate”, uma receita bem fácil, que você vai poder usar para acompanhar vários outros alimentos, é como se fosse um patê, só que de abacate.

Ingredientes

1 abacate médio maduro
2 tomates picados sem pele e sem sementes
1 dente de alho amassado
2 colheres de sopa de azeite
Limão, sal rosa e cheiro-verde para temperar

Modo de preparo

Abra o abacate ao meio, retire o caroço e remova a polpa. Corte em pedaços, amassa com a ponta de um garfo e guarde na geladeira. Enquanto isso, coloque o tomate e o alho para refogar em fogo baixo com o azeite, e uma colher de sopa de água. Tampe e deixe cozinhar por dois minutos. Espere esfriar, junte o abacate e misture até formar uma pasta. Tempere com sal, limão e cheiro verde.

Está pronto nossa pastinha de abacate, super prático! Ideal para passar em pães, bolachinhas, torradas caseiras. Experimente colocar queijo de sua preferência e finalizar no forno a criançada vai adorar!

Author

Comments are closed.