Tag

Grafomotricidade

Browsing

Exercício de Grafomotricidade

Às vésperas do dia das mães, a Grafomotricidade trouxe uma linda surpresa

Olha que lindo!

Na semana do dias das mães eu ganho um presente deste. Amei!

Hoje o Chico estava na vídeo aula, com a mesma rotina da atividade individual e depois, às 13h, ele continuou com a turma toda. Na aula de edução física, a professora Bárbara trabalhou isso.

Ela propôs essa atividade de Grafomotricidade. Ela colocou uma música e enquanto ia tocando, as crianças treinavam a grafia e a parte motora. Ela ia variando entre a música num volume mais alto e depois foi variando para um volume mais baixo.

O que percebi é que foi um trabalho coletivo e eles iam seguindo os comandos da Professora. Como não sabia o que era, fui procurar. Encontrei uma explicação no site de uma clínica, a LUDENS.

Encontrei a seguinte explicação: a Grafomotricidade é o conjunto das funções motoras referente ao desenvolvimento da atividade gráfica, ou seja, é a soma de habilidades básicas para o desenvolvimento da pré-escrita e escrita.

Segundo o texto da clínica, a escrita é a atividade mais elaborada e complexa da função manual. Ela é tão importante que é quase indispensável para a aprender e ter um bom desempenho escolar.

Alguns componentes são fundamentais para o desenvolvimento da escrita e precisam ser observados, são eles:

Componentes Neuromotores os tônus musculares; arcos de movimento; força muscular; capacidade de estabilização proximal-distal.

Postura Correta manutenção da postura ereta na cadeira; adequação da carteira e cadeira escolar.

Retroalimentação Sensorial.

Desenvolvimento da Preensão e Destreza manual.

Coordenação Olho-mão ou Integração Viso motora – o controle motor ocular guia a visão ao objeto e a mão. Esse componente é necessário para o bom desempenho em atividades da vida diária como a alimentação, o vestir e despir, a higiene pessoal, em atividades recreativas de jogo e esporte e também no uso de ferramentas e materiais escolares como o lápis, borracha, apontador, tesoura etc.

Coordenação Bilateral – Cada uma de nossas mãos desenvolve habilidades motoras finas independentes, contudo, uma mão tem que coordenar-se com a outra para completar atividades básicas, como aplaudir, segurar um objeto com as duas mãos, pegar dois objetos, mover um contra o outro, agarrar no balanço, empurrar um carrinho, sustentar uma caixa enquanto tira e coloca objetos, fechar uma bolsa, escrever, abotoar/desabotoar, passar um fio por um orifício, cortar, teclar.

Geralmente, qualquer alteração no desempenho grafomotor da criança é notado pelos professores e a própria escola encaminha a um profissional que, neste caso, costuma ser um terapeuta ocupacional.