Recentemente a Faber-Castell lançou a coleção “Caras e Cores” que tem tons que remetem as cores das diversas tonalidades de tons de pele, e para o lançamento dessa nova coleção fizeram um comercial com diferentes pessoas, raças e cores. O nosso menino Chico participou como “Lucas” representando as crianças com síndrome de down.

Fizemos uma entrevista com a galera da Faber-Castell para entender melhor como foi para a empresa esse lançamento. Quem respondeu as nossas dúvidas foi o Marcelo Vecchi, Gerente de comunicação da marca.

1.A questão das cores de pele na cartela de lápis de cor já era pedida há um tempo. Sempre existiu esse projeto? Ou foi algo recente? 

Resp. O projeto estava em desenvolvimento há algum tempo e dependia de uma nova tecnologia que permitiu criar cores que se misturam com mais facilidade. Nossa intenção era criar lápis que permitissem os mais variados tons de pele sem a necessidade de um estojo adicional. Assim que a tecnologia foi aprimorada decidimos lançar Caras & Cores.

2.Foi a primeira vez que a marca escolheu uma criança com Síndrome de Down para o elenco do comercial de divulgação, agora com esse assunto que desperta uma visibilidade tão grande para os próximos lançamentos a Faber-Castell vai seguir essa mesma linha de inclusão, colocando crianças e pessoas de diferentes tipos para o comercial? 

Resp: A responsabilidade social e ambiental são valores históricos da Faber-Castell que seguiram evoluindo ao longo de mais de 250 anos de história. Queremos continuar avançando em questões importantes como a diversidade, inclusão e outras mais, em sintonia com a evolução da sociedade. Nossos esforços de marketing e publicidade seguirão coerentes com essa filosofia procurando garantir a representatividade.

3. Como está sendo para a marca o retorno desse lançamento? E qual era a intenção de alcance? 

Resp: Estamos muito felizes com o retorno até aqui. Recebemos muito carinho e elogios do público. A grande maioria das pessoas entendeu nossa intenção e nossa mensagem e tem nos apoiado. Nossos esforços são para que o maior número possível de consumidores seja alcançado e para isso nossa campanha avança até o final de janeiro em todo o Brasil na internet, nos cinemas e na TV.

4. A trilha sonora já nos remete a linha aquarela, a música já era uma premissa da marca pra esta publicidade?

Resp: A sugestão veio de nossa agência, a David. Não era uma premissa, mas foi uma escolha que nos deixou muito feliz. Achamos muito oportuno resgatar um clássico da publicidade da marca para um assunto tão importante.

5. Existe algum plano de ação da marca para levar as escolas e professores uma ação de inclusão social?

Resp: Temos diversas iniciativas de responsabilidade sócio-ambiental na empresa mas acreditamos que Caras & Cores em si mesmo é nossa maior contribuição. Garantir a inclusão dos lápis tom de pele no estojo regular foi a forma que encontramos de fazer esta iniciativa chegar ao maior número possível de pessoas de forma mais acessível

Author

Comments are closed.