A cognição nada mais é do que o processo de adquirir conhecimento, e brincando é mais fácil para a criança absorver novas informações. Desde os comportamentos mais simples até os de maior complexidade as funções cognitivas estão presentes na aquisição do conhecimento.

Hoje vamos dar uma profundidade maior a esse assunto com inicio da série “Brincar para Aprender” aqui no Down é Up, fazendo uma análise percebemos que o nosso Chico teve resultados muito legais devido ás brincadeiras com as irmãs, as sessões de fisioterapia, o contato com os coleguinhas na escola e todo esse processo acelera muito o desenvolvimento de aprendizado dele, então pensamos em aprofundarmos esse assunto e toda semana falaremos sobre um tema que é uma função cognitiva. Ao todo serão nove temas, para compartilharmos com vocês curiosidades, aprendizados e nossa experiência com o Chico sobre os temas abordados. 


E dando inicio a essa série vamos começar com o tema “Memória”.
A memória é a capacidade de adquirir, armazenar e recuperar informações, ocorre pela formação de conexões pelos neurônios ou ligações de células nervosas no cérebro. Quando captamos informações através dos órgãos  visuais são encaminhadas ao córtex visual.
As crianças possuem uma memória seleta, nos primeiros meses de vida a criança consegue evocar o memória em sentimento, como por exemplo quando chora muito e quer colo o tempo todo, isso é  porque o bebê sente o calor do corpo da mãe e isso lembra os meses que esteve na barriga e ao sentir o calor provoca uma lembrança  familiar de bem estar e o estranhamento de um novo ambiente. Já por volta de um á três anos a criança vai aumentando a sua capacidade e aos quatro anos já consegue a guardar lembranças.
Nessa fase é muito importante estimular a memória com brincadeiras, jogos de tabuleiros e brinquedos educativos. Uma boa é explorar o olfato que é  um dos cinco sentidos que está mais próximo hibocampo, que é uma das estruturas que contribui para a fixação de memórias com longa duração. Isso é muito forte porque até hoje existem coisas que nos levam a nossa infância como por exemplo um cheirinho de bolo no forno, ou um doce, até mesmo o cheirinho da casa da vovô, então explorar isso para criar lembranças e fixar na memória infantil é um método muito funcional. 
A criança com Síndrome de down tem um défcit na concentração, e precisam de série de repetição maior do que as outras crianças para que consigam memorizar algo, por isso o acompanhamento e a atenção no desenvolvimento tem que ser dobrada. Seja nos movimentos ou até nas palavras, identificação de cores, expressões e etc. Tudo é necessários fazer varias vezes para que aos poucos a criança consiga ir criando essa associação na memória. É fundamental o acompanhamento de um médico para ajudar a família e o dia-a-dia na escola e em casa conta muito também. Usar os momentos em família com brincadeiras, cores, formas e diferentes texturas ajudam a criar sentimentos para a criança conseguir guardar aquela memória mais fácil. 

 
Tivemos muita preocupação com o Chico nesse sentido então procuramos toda ajuda possível para estimular a memória, e inclusive um método muito legal é  a aula de música para ajudar no desenvolvimento cognitivo, além de divertido as repetições e contato com os sons e instrumentos desperta curiosidades e o desenvolvimento é muito eficaz.

O contato com outras crianças é essencial, principalmente para as crianças com síndrome de down, é legal estimular brincadeiras em roda, duplas, ou algo que eles jogos de tabuleiros para incentivar que os grupo se unam e todos aprendam juntos.

Fora brincar com as irmãs o Chico vem se mostrando cada vez mais ativo nas brincadeiras com os colegas, esta interagindo bastante e fica muito animado. Mas nem sempre foi assim, antes ele ficava mais distante, e com nosso apoio e das professoras ele foi aos poucos sentindo mais confiança e ficando mais a vontade nas brincadeiras.

Buscar ajuda e conversar com outras mães e trocar experiências faz muita diferença no apoio que você pode oferecer para melhorar cada vez mais o desenvolvimento da criança, todo tipo de dica é apoio é válido para conseguir atingir resultados cada vez melhor para nossas crianças.

Author

Comments are closed.