O projeto Amar, Viver e Voar é uma parceria com o estúdio da fotógrafa Lidi Lopez, especializada em retratar crianças. Dia 21 de março é comemorado o Dia Internacional da síndrome de Down. Para apoiar esta data tão importante de conscientização, a estação da Luz, em São Paulo, recebe uma exposição com fotografias de crianças e famílias que convivem com a síndrome.

O intuito é desmistificar os preconceitos e alertar sobre a importância da inclusão de crianças com Down na sociedade. “A ideia surgiu com o convite de uma cliente, mãe de um bebê com a síndrome. Topamos fazer o projeto como uma forma também de encorajar outras famílias a fazerem ensaios fotográficos. Retratamos muitas crianças, mas poucas delas têm Síndrome de Down”, conta Bruna Fiorillo, uma das fotógrafas responsáveis pelo projeto.

Com entrada gratuita, o projeto [Amar, Viver e Voar ] estará aberto ao publico até o dia 2 de Abril – Na Avenida Prestes Maia, 925, Centro – São Paulo (SP)

Author

Comments are closed.