E nesta semana o Chico está eufórico, será a chegada da sua segunda irmã, Maria Antônia, não só ele, mas a Maria Clara também está animadíssima.
Meus leitores mais uma criança em casa, é a realidade, loucura será? Não achamos não, tudo foi pensado com calma, ter três com intervalo de nem 2 anos?? Esse terceiro filho foi planejado sim para termos uma família grande, compartilhamos muitos momentos juntos, tendo desafios sempre, na educação e na rotina do dia a dia.
Mas no fundo mesmo pensamos muito no Chico, em um futuro repleto de amor dos irmãos, companheirismo, vínculos seguros, porque a sociedade se diz inclusiva mas sabemos que existem pessoas que no fundo tem preconceito pelo “SER DIFERENTE”. Não estamos pensando que os irmãos serão responsáveis com o futuro do Chico, mas sim estar ao lado dele sempre, dando as mãos, vivendo seu dia a dia como qualquer irmão faz. O médico especialista que assiste ao Francisco, Dr Zan Mustachi, geneticista e pediatra defende sim que para uma criança com atrasos cognitivos o ideal se a família pretende ter mais filhos, é que a diferença  seja de dois anos, pois estarão no mesmo momento de desenvolvimento, porque o atraso cognitivo aparecerá ao longo do tempo sim.
Nesses 9 meses de gestação ele e sua irmã Maria Clara acompanharam o crescimento da barriga e nós sempre estimulamos e explicamos a chegada de um novo ser humano, que virá para acrescentar mais a nossa família e eles sempre atentos com essa esfera lúdica, beijando muito a barrigona!
O que queremos deixar de mensagem é que façam sempre tudo com calma, planejamento sim, mas sempre escutando o coração, porque cada um sabe o melhor para si e sua família.
Contaremos mais para frente como será essa nova rotina.

Author

Comments are closed.